Menu

Tratamento Psicoterápico

 


A Psicoterapia é um processo realizado por especialistas, com o propósito de ampliar a consciência, que o indivíduo possui de si, dando-se conta das motivações que envolvem os sintomas que apresenta e aprendendo a pensar de forma a se desenvolver, 
vivenciando a sua relação com as outras pessoas.

Não é raro que em algum momento ou fase da vida, o indivíduo se depare com situações as quais não sabe lidar ou pensar; situações em que não se sente bem consigo, com o seu desenvolvimento, sofrendo ao ponto de se desadaptar, surgindo, assim, a necessidade de buscar ajuda. O vínculo com o psicoterapeuta propicia as condições necessárias ao aprendizado sobre si, através de suas reflexões, para realizar novas escolhas e  superar as dificuldades que lhe causam sofrimento.

Existem vários tipos de psicoterapias, as quais podem ser realizadas individualmente ou em grupo. A Psicoterapia Individual ocorre, através de encontros semanais, com duração de 50 minutos, gerando um espaço para os questionamentos do Paciente em relação as suas experiências de vida e o que vai sendo construído no vínculo com o Psicoterapeuta. Na Psicoterapia em Grupo os encontros semanais tem a duração de cerca de 1 hora e 30 minutos. A Psicoterapia ocorre através da interação dos membros do grupo, o que facilita a compreensão sobre seu vínculo inter-relacional.

Psicoterapia de Casal e de Família: os problemas que surgem, em relação ao casal, muitas vezes são em consequência de uma mudança de vida ou crise, problemas no trabalho, doença, separação, infertilidade, chegada ou saída dos filhos de casa, gerando dificuldades emocionais, sexuais ou somáticas. As dificuldades dos pais podem ter impacto sobre os filhos na infância e na adolescência, tais como argumentações incoerentes, divórcio, luto e negligências. O objetivo é a ampliação da consciência dos elementos da família ou do casal, em relação aos padrões relacionais, motivados pelas características individuais, que interferem na adaptação, dos mesmos. 

As Crianças e os Adolescentes, bem como os adultos, beneficiam-se da Psicoterapia, para o tratamento de dificuldades emocionais e comportamentais.

Na infância, observa-se a existência de vários momentos em que há necessidade de ajuda às crianças e  aos pais. Alguns momentos caracterizados por mudanças podem funcionar como pontos de desequilíbrio, com a gravidez. Os primeiros dias com um bebê é muito prazeroso, mas podem suscitar dificuldades, assim como o nascimento de um irmão, que geralmente intensifica sentimentos de ciúme e perdas. A época da escola, que traz o estímulo a aprendizagem social e proporciona o surgimento de novos valores e conhecimentos, além dos que já foram assimilados através da família, geralmente intensifica os sentimentos de separação e o, consequente, desejo de autonomia, gerando ansiedade, comportamentos como raiva e agressividade ou isolamento. Já na adolescência, as questões relacionadas a identidade social e sexual são os principais elementos motivadores dos conflitos, sendo, às vezes, imprescindível a análise. O tratamento, no caso do adulto, se dá por situações, que retratam a reedição de conflitos infantis, que são abordados sob o prisma da adaptação atual.

O modelo que utilizamos como abordagem às questões relacionadas a mente é o Psicanalítico, o que significa a atenção aos aspectos inconscientes, que motivam a expressão da consciência. O trabalho com os Paciente poderá ser em Psicoterapia de Orientação Analítica (Psicoterapia Psicanalítica) ou em Psicanálise.

Como iniciar um processo psicoterapêutico?

Para iniciar um processo Psicoterápico marque uma entrevista inicial. Nessa, você terá a oportunidade de esclarecer suas dúvidas sobre a forma de tratamento indicada para seu caso. O Psicoterapeuta fará uma avaliação, atestando a necessidade ou não de um tratamento.

As consultas poderão ser marcadas pelos telefones: (67) 3327-0072  (67) 8160-1155. Nosso endereço: Rua Espírito Santo, 665 - Jardim dos Estados - Campo Grande/MS.

Morando em outra cidade, entre em contato, pois podemos indicar profissionais, facilitando, assim, seu acesso a um tratamento.